quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Anna e o Livro II

"Benício talvez nem saiba o que guarda o livro!", pensei enquanto andava sob a chuva. E que ousadia a minha em escrever um livro. Mas as listas nem estão completas, para que preocupar-me tanto com ele? É bom certificar que o coração está camuflado de pensamentos listados, coerentes ou não, ao menos para mim. 


- "Benício!" - Anna aumenta o tom para chamá-lo.



Anna educadamente pega seu livro agradecendo a Benício. Ele já esperava por ela. Parecia já entender o sacrifício daquela escrita sigilosa. Encosta o livro entre os seios e abraça-os protegendo da chuva. Mas o desafio parecia continuar. Anna está entre constelações e enredos em sua mente. Cores e sons ressoando em seu corpo. Ela acaba de perceber que, listado agora estará: Andar sob a chuva.


Por: Ana Paula Morais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Um beijo pelos dedos que aqui escrevem, um Queijo pelo suspiro aqui postado.